Quanto Vale Sua Vida?



 Lembro de uma história em que havia um menino de familia rica por assim dizer que sempre ficava em frente ao seu colégio esperando o motorista ir pega-lo, mas um dia ele se atrasou e o menino resolveu que iria só, coisa de criança, ao atravessar veio um táxi e o atropelou.
 O taxista ficou desesperado, pegou o menino colocou em seu carro e foi ao Hospital mais próximo, que era particular ao chegar disseram que nada poderiam fazer por que ele não tinha dinheiro, só se desse um cheque calção, mas nem isso ele tinha, ele implorou e a resposta foi, olhe aquele quatro, lá está o proprietário deste hospital dizendo que não importa a urgência, só terá atendimento com o tal cheque ou dinheiro vivo. O taxista por sua vez novamente saiu com o menino em seu táxis e foi a um hospital público que está superlotado sem nenhum leito disponivel, vendo que o menino não aguentaria mais, voltou ao particular e ofereceu o seu táxis como garantia e a resposta foi, mas ele não é dinheiro até que o menino faleceu dentro de seu táxis, ao ver se deparou com um cartão com o endereço e número de contato, ligou e avisou aos seus pais o que ocorreu com seu filho, os pais foram correndo para o tal hospital. E nervoso o pai dizia mais por que não trouxe meu filho aqui primeiro. O taxista respondeu que aquele foi o primeiro lugar que procurou, mas por tal regra do proprietário o menino não foi atendido. Nisso o pai pós a chorar mais, pois aquele hospital era dele, ele próprio não deu assistência ao seu filho por causa de dinheiro.
Faço está pergunta a você, quanto vale sua vida? vejo todos os dias mortes banais, algumas tão absurdas que nem sei o que pensar. Motivos fúteis como não abaixar o som, por que fechou outro carro no trânsito ou simplesmente por que está devendo R$ 1,00. Ou talvez você leve alguém no hospital de de repente não é atendido, coisas do tipo. Já achou a sua resposta? A minha é imensurável!

0 comentários :