Apenas estranho para mim


  Sempre achei que ia suportar, que iria segurar tudo aqui dentro, mas chega o dia que todos os sentimentos tratam de te trazer ao real e te avisar que apesar dos sonhos, a vida tem a sua realidade, e acordar chorando em meio a madrugada é mais que uma forma difícil de lidar com o que é óbvio. Por mais que tentasse saberia que um dia isso iria acontecer.
  Até que ponto posso ir, não é mais a questão, chora alivia mas não tranquiliza o vazio aqui dentro, queria não ser tão imaginativa, queria poder me libertar do casulo que me fiz, queria mostrar para mim que um dia isso deveria ser levado de forma sutil, apenas me esqueci que por mais que ele seja sufocado, por mais que diga a si mesmo que não precisa de tal para a sua vida, o fato é que o vazio vai crescendo e você sente que isso é mais que necessário, percebi que a minha personagem esta tomando proporções um tanto contraditórias a minha personalidade, mas é isso ai, ela é o que eu tenho em minha essência, sempre imaginei qualquer coisa, menos coisas relacionado a tal, sim, estou falando do amor, jamais desejei o amor perfeito, sempre tive a minha opinião e convicção que primeiro minha estrutura e depois a aventura, mas isso esta deixando de ser fácil, as amizades já não satisfazem a solidão, sempre me considerei uma canceriana abstrata e fugaz quanto ao horóscopo, mas chegou no ponto que o meu psicológico, minha alma, minha carne, deu o basta e diz para o meu consciente que precisa desta companhia, não tente compreender, nem eu mesmo compreendo o que se passa aqui dentro, mas algo me diz que não piorou, pois não sinto nada por ninguém, é apenas o meu inconsciente dizendo, você precisa de alguém que entenda suas crises existenciais, que possa compartilhar seus sonhos, em conjunto, sim, isso me assusta, falar de amor? Só quando alguém me pede para escrever um texto sobre tal, sempre me achei uma canceriana estranha, até que descobrir sobre as tais 3 luas, então vi que a 1 e a 2 não são tão românticas assim, mas enfim, essa ideia , é apenas uma ideia, e só Platão pode dizer, viva o mito da estrela, acho que a minha querida alma se lembrou agora o que é o amor.
  Apenas não quero viver assim, com essa nova dor, e esse vazio que cresce, estou precisando aprender sobre o sentimento mais absurdo e eloquente de nos seres humanos, apenas desejo que isto seja uma fase e que tudo volte ao ponto de simples sentimento adormecido.

0 comentários :