Colado Em Tuas Mãos

Sei que não foi coincidência encontrar-me contigo

Talvez tudo isso é o destino
Eu quero dormir de novo em teu peito
E depois acordar com teus beijos
Teu sexto sentido, sonha comigo
Sei que pronto estaremos unidos
Esse sorriso travesso que vive comigo
Sei que logo estarei em teu caminho


Saiba que estou colada em tuas mãos
Peço que não me deixe cair
Saiba que estou colada em tuas mãos...


Te envio poemas que escrevi com minha letra
Te envio mensagens às 4:40
Te envio as fotos jantando em Veneza
E quando estivemos por Fortaleza
E assim me recordo que tenho um presente
O meu coração está colado em tuas mãos


Cuidado, cuidado,
Que o meu coração esta colado em tuas mãos
Cuidado, cuidado,
Que o meu coração esta colado em tuas mãos


Não perderei a esperança de falar contigo
Não me importa o diga, é o destino
Eu quero ter sempre teu cheiro comigo
E viver um destino proibido


Saiba que estou colada em tuas mãos
Peço que não me deixe cair
Saiba que estou colada em tuas mãos


Te envio poemas que escrevi com minha letra
Te envio mensagens às 4:40
Te envio as fotos jantando em Veneza
E quando estivemos por Fortaleza
E assim que me recordo que tenho um presente
O meu coração está colado em tuas mãos


Cuidado, cuidado,
Que o meu coração esta colado em tuas mãos
Cuidado, cuidado,
Que o meu coração esta colado em tuas mãos
Cuidado, cuidado,
Que o meu coração esta colado em tuas mãos
Cuidado, cuidado,
Que o meu coração esta colado em tuas mãos

1 comentários :